Mãe colhe café de segunda a sexta e, aos fins de semana, ajuda ao filho nos estudos

Moradora da localidade de Flecheiras, na zona rural de Atílio Vivácqua, Maria da Conceição Rocha da Silva, de 37 anos, tem uma lavoura de café para colher, de segunda a sexta-feira (das 6h às 18h), em uma propriedade arrendada por ela e por seu esposo, Dirlei Fereira Gomes, na comunidade de Serrote. Além das 12 horas diárias de trabalho na colheita, durante a semana, Maria tem disposição e fôlego para outra tarefa, aos sábados e domingos: ajudar seu filho, o pequeno Wallyson Rocha Ferreira, de 4 anos, a realizar as atividades complementares da escola municipal Flecheiras, na qual ele está matriculado.

Ele é aluno da turma do Pré I, da Educação Infantil, e sua professora, Fabíola Burock Venturi, envia essa atividades à mãe de Wallyson, via WhatsApp, desde o início do mês de abril, logo após as aulas na unidade de ensino terem sido suspensas, temporariamente, em decorrência da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Com essa medida, que abrange todas as escolas da rede pública municipal, a Secretaria de Educação de Atílio Vivácqua tem como objetivo assegurar a aprendizagem aos seus estudantes, sem que eles precisem sair de suas casas.

“Faço o máximo que posso por meu filho. Está sendo ótimo fazer as atividades com ele. Só não está melhor porque meu tempo é corrido”, revela a lavradora, ao destacar que a professora de Wallyson sempre a atende, por meio do aplicativo móvel, quando surgem dúvidas nas tarefas. “Eu mando o print do dever, e ela me explica detalhe por detalhe”, diz.

Fabíola ressalta o esforço de Maria. “Ela trabalha na roça e, mesmo assim, não deixa a peteca cair. Comprou um caderninho para a criança. É a mãe que mais está em contato comigo. Às vezes, eu a oriento aos domingos. Tenho carinho especial por cada um dos meus alunos. Mas é muito gratificante, para mim, quando vejo esse tipo de atitude”, afirma, ao lembrar que os pais e responsáveis dos demais estudantes também vêm interagindo com ela, durante a semana.  

“As famílias dos alunos da Educação Infantil, do Ensino Fundamental e da Educação Especial têm correspondido às propostas e, como exemplo desta interação, temos a mãe de Wallyson, a quem parabenizamos por todo seu empenho”, frisa a secretária municipal de Educação, Eni Souza Araújo Rodrigues, que reforça a importância de os adultos continuarem a colaborar nas atividades de seus filhos, para que essa medida permaneça com resultados satisfatórios.

Data de Publicação: quarta-feira, 27 de maio de 2020

ACOMPANHE A PREFEITURA
endereco ico
Endereço
Praça José Valentim Lopes, n° 02 - Centro
Atílio Vivacqua/ES
telefone ico
Telefone / Fax
(28) 3538-1109 / (28) 3538-1104
email ico
E-mail
comunicacao@pmav.es.gov.br
horario ico
Horário de funcionamento
Segunda a Sexta das 07h00 às 16h00